Proteina do ovo

Comer ovo ajuda a ganhar massa muscular? 
proteina do ovo

A proteina do ovo: Todos nós sabemos o quão importante é para o ganho de massa muscular, alimentar-se corretamente, beber água constantemente e descansar o suficiente. Quando temos hábitos saudáveis mesclados a uma rotina correta de exercícios físicos, é efetivo que aconteça a hipertrofia, ou em termos mais simples: o ganho de massa muscular.

Entretanto, por mais que existam muitos alimentos que ajudem no ganho de músculos, não são todos que são benéficos para quem quer ganhar massa magra rapidamente.

Sendo assim, se você é um daqueles alucinados por um corpo sarado, saiba que existe um alimento capaz de desenhar as curvas do seu corpo e de maneira rápida, mas claro, se consumido com moderação, sempre dentro de uma dieta regrada: estamos falando do ovo.

Como o ovo ajuda no ganho de massa muscular?

Muitos que treinam buscam auxílio de alimentos tais como: carnes e suplementos alimentares, aveia, atum, batata doce, além, claro, do ovo. Contudo, mesmo que existam mitos diante do ovo, inclusive o de que ele possa aumentar os níveis de colesterol no sangue, há uma defesa contínua em prol dos benefícios que este item pode trazer às formas.

Mas para que entedamos os possíveis males que o consumo excessivo de ovo pode causar, precisamos compreender em que consiste os temas ligados a dois tipos de colesterol: o bom e o ruim.

Quais são os tipos de colesterol?
A membrana celular é formada por inúmeras substâncias, inclusive o colesterol, que é um tipo de gordura com quantidade considerável no organismo, o que mostra o quão necessária para o corpo é. O colesterol do nosso corpo pode ter dois tipos de origem:

Endógena: produzida pelo fígado.
Exógena: adquirida pelos alimentos.

Ainda, é importante entender que existem três tipos de colesterol:

VLDL: muito baixa densidade de lipoproteína.
LDL: baixa densidade de lipoproteína.
HDL: alta densidade de lipoproteína.

Os tipos LDL e VLDL são os responsáveis por levar colesterol para os tecidos do corpo, inclusive os que o corpo necessita. Já o HDL retira o colesterol dos tecidos e o devolve ao fígado, para que este o jogue para fora do organismo. Apesar de todos serem importantes, os que fazem mal à saúde são os tipos VLDL e o LDL; o HDL é considerado o colesterol bom.

Visto o entendimento de quais são os tipos de colesterol ruins, é importante analisar os alimentos que os contêm e que podem ser fatídicos ao corpo. Por exemplo, quando consumidos em grande quantidade,estes podem causar inúmeros males, como a aterosclerose. Além disso, quando os tipos VLDL e LDL estão em grande quantidade no organismo, não somente em um número que faça bem ao corpo, ainda são depositados nas paredes dos vasos sanguíneos, o que acarreta a formação de colesterol. Quando estas placas ganham tamanho, podem entupir as veias, fazendo com que o sangue não tenha passagem.

 

De acordo com a explicação, pode ser que você se sinta incrédulo quanto à ajuda que ovo pode dar para o ganho de massa muscular, somente por ele possuir todos os tipos de colesterol listados acima. Mas não se preocupe: o ovo traz substâncias benéficas ao corpo, como amioácidos e nutrientes, não somente na clara, mas como na gema.

Por exemplo, a gema do ovo tem muitas vitaminas:

Vitaminas: A, D e E
Omega-3
Quantidade alta de proteína

 

O que isso quer dizer?

Se você pratica musculação e tem o costume de comer ovo, tanto a gema como a clara, inclua-o na refeição que faz antes de dormir, pois a proteína encontrada neste alimento é de lenta absorção, importantíssima para fazer efeito no seu corpo durante o período de sono, pois é o momento no qual o corpo ficará mais tempo sem se alimentar.

 

Mas quantos ovos devo consumir para ganhar massa muscular?

clara-de-ovo-no-prato

Bom, a resposta a esta pergunta vai depender da quantidade de proteínas indicadas para que você ganhe massa muscular, sempre de acordo com a idade e altura que possui. O melhor a fazer é conversar com um nutricionista a fim de que ele te passe uma dieta na qual o ovo seja incluído, mas em uma quantidade moderada.

Para que tenha noção das quantidades, um ovo cozido tem aproximadamente 6 gramas de proteínas, sendo que 3 destas estão na gema. Agora, se quiser saber sobre a quantidade de calorias, um ovo médio tem aproximadamente 71 calorias.


Como posso preparar o ovo para ganhar massa muscular?

Por questão de saúde, sempre consuma os ovos cozidos, nem fritos nem crus. No caso dos ovos fritos, por conta da gordura. Referente aos ovos crus, eles podem estar contaminados com a bactéria Salmonela, e claro, ocasionar vários problemas de saúde, tais como: náuseas e diarreias.

Por comer o ovo cozido, você ainda tem a chance de eliminar esta bactéria e prezar pela saúde e estética.

Uma outra ideia interessante para quem diversificar o preparo do ovo na dieta, é fazer os omeletes. Adicione no preparo itens como atum, frango, carne e queijos magros. São alimentos ricos em proteína e que poderão te ajudar rumo ao ganho de massa muscular.

 

A ideia é a seguinte: quaisquer alimentos, mesmo os indicados para determinado objetivo, precisam de moderação quando consumidos. Então, quando fizer do ovo item essencial da sua alimentação pró-massa muscular, o inclua na dieta sempre de acordo com indicações de especialistas, tanto da área de nutrição quanto do segmento de Educação Física. Ainda, jamais negligencie o consumo assíduo de água, bem como noites bem dormidas. É fundamental, também, sempre mudar os exercícios a fim de conquistar resultados diferentes; para ganhar massa muscular, aposte em atividades localizadas mescladas ao aeróbico, sempre com poucas repetições, com muita carga.

Com as medidas práticas acima, conseguirá ganhar massa muscular de uma maneira saudável e finalmente desfilar o corpo torneado que tanto quer.

 

Autor: admin

Compartilhe este artigo no

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *